Disney é atacada por defender direitos homossexuais

A Disney foi recentemente criticada por defender activamente os direitos dos homossexuais. A acusação surge por parte da Texas Values, entidade dedicada à preservação de valores religiosos e familiares. De acordo com a Texas Values, a Disney é contra o cristianismo, uma vez que pressionou o governador de Georgia, Nathan Deal, a chumbar uma nova lei que poderia vir a originar repercussões negativas para a comunidade gay, uma vez que daria a organizações religiosas o direito de recusar os seus serviços a pessoas que estivessem em violação das suas normas religiosas.

Como resposta a esta proposta de lei, a Disney, bem como a Apple, a Intel e outras multinacionais de grande renome ameaçaram boicotar o estado de Georgia caso a lei acabasse por ser realmente aprovada. Isto porque, de acordo com estas empresas, uma lei deste tipo encorajaria o comportamento homofóbico e violaria directamente os direitos dos homossexuais.

A Texas Value considera este comportamento da Disney como sendo um atentado à liberdade de exercer os valores cristãos e sugere a quem é verdadeiramente cristão que boicote os produtos da multinacional.

Apesar das acusações de ser contra o cristianismo, a realidade é que a Disney organiza, todos os anos,  diversos eventos cristãos nos seus parques temáticos.

 

Comunidade homens gay

Deixar uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Já és #XY? A maior Rede Social para Homens:QUERO SER XY!