Ser Solteiro, medo ou por opção?

Eu tenho pavor de ficar solteiro, mas não é pelas razões que você pode estar a pensar! Eu não tenho medo de tornar-me a caricatura gay da “bicha velha”, cercada pelos seus gatos, principalmente porque eu até sou alérgico a gatos, mas também porque eu não sou de pensar muito longe no futuro. Não é que eu tenha medo que a minha alma gémea não esteja por ai, mas sim para que eu possa desfrutar mais da minha própria companhia. Como podem ver, o meu maior receio não é que eu não vou encontrar um parceiro ou a minha alma gémea, mas se eu vou ser mais feliz ou não.

Eu tenho notado como alguns dos meus amigos saltam de relacionamento para relacionamento, encontrando facilmente um novo parceiro com o qual eles se tornam instantaneamente apaixonados. Eu, por outro lado, acham particularmente difícil forjar tais relações. Enquanto algumas pessoas precisam da segurança que um relacionamento traz à sua vida, eu estou contente de estar sozinho. Refiro-me a mim mesmo como um “solitário social” uma pessoa que gosta de socialização, passar tempo com amigos e fazer novos amigos, mas que é tão feliz, talvez até mais feliz, estando sozinho. Como o passar dos anos e concentrado nas minhas rotinas e hábitos, que raramente tiveram de incluir alguém, eu preocupo-me como ele se pode tornar difícil para me adaptar. Será que o meu amanhã, as minhas rotinas perfeitamente cronometradas vão ser interrompidas pelos horários de outra pessoa? E se eu não sentir vontade de falar depois de um longo dia de trabalho? Ou sair com os amigos dele? Ou estar na companhia de outra pessoa? E se eu quero ficar sozinho?

Embora possa soar arrogante, na maioria das vezes eu posso fornecer a mim próprio tudo o que eu preciso para ser feliz. Como tal, não tem havido uma vontade real de encontrar um parceiro e, portanto, eu não acho que eu tenha feito um esforço especial para isso acontecer. De amigos, ao trabalho, à espiritualidade e na sociedade, eu criei para mim mesmo as coisas que eu preciso para me manter satisfeito. E no sexo? ( devem estar a pensar agora ) Bem, eu posso encontrar isso também, embora eu tenha aprendido com a experiência que às vezes é mais fácil e menos complicado satisfazer a si mesmo neste departamento. Tudo decorre da minha crença de que estamos inteiros como somos e que não há necessidade de esperar para encontrar a nossa “outra metade” antes que possamos sentir a nossa plena totalidade. Este é um dos mitos mais perigosos do nosso tempo, que precisamos de alguém para nos salvar ou então nunca será salvo. Como a homossexualidade tornou-se mais aceite adotamos a ideologia heterossexual perigosa que, para sermos verdadeiramente felizes precisamos encontrar um parceiro monogâmico que estará connosco, felizes para sempre. E se nós nunca encontramos esse parceiro? Isso significa que nós não podemos viver uma vida feliz? Enquanto eu acho que é bonito de se estar num relacionamento amoroso eu não acho que nós precisamos ser miseráveis ao mesmo tempo.

No meu Facebook muitas vezes vejo amigos lamentando-se por serem solteiros ou felicitando uns e outros quando estes alteram o seu status de relação. Sempre me fez confusão esta última como se estar num relacionamento é algum tipo de conquista que precisa ser reconhecida. Eu acho que isto se deve ao medo da solidão que é particularmente forte entre os homossexuais como se fossemos ser condenados ao ostracismo por causa da nossa sexualidade. Talvez isso explique porque tantos de nós estão desesperados para estar num relacionamento! Isso também poderia explicar porque é que há uma necessidade constante de muitos homens gays darem a conhecer as suas relações ao mundo! Os por vezes exagerados uploads e atualizações podem ser apenas uma forma desesperada para mostrar ao mundo e a uns e outros que somos amados ou como queríamos ser. Ou, talvez, pode ser porque realmente amam tanto essa pessoa que querem gritar aos quatro ventos. A minha parte cínica diz que é a primeira.

Agora podem estar a pensar, mas para quê ler isso tudo! Tudo isso é só o desabafo de alguém que nunca esteve num relacionamento sério! Não, claro que tive encontros com homens e até mesmo estive com alguns que poderia considerar estágios iniciais de um relacionamento, mas nenhum deles valeu a pena a atualização do meu estado no Facebook. Agora que estou mais velho e mais consciente da passagem do tempo, eu não estou preocupado sobre estar sozinho para sempre, mas, sim, que eu vou ser tão feliz como se eu fosse.

Talvez eu devesse comprar um gato apenas no caso de …

Artigo escrito por Ricardo, um membro Pioneiro da Comunidade XY.pt

Comunidade homens gay

Deixar uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Já és #XY? A maior Rede Social para Homens:QUERO SER XY!